PESQUISAR
   
Tipo:
Finalidade:
Cidade:
Código:  
  Boa Tarde, hoje é dia 17 de Fevereiro de 2018 - Belém / Pará
Apartamento 1 Quarto
Apartamento 2 Quartos
Apartamento 3 Quartos
Apartamento 4 ou + dormitórios
Casa
Casa em Condomínio
Casa de Praia
Sala Comercial
Terreno
Área Industrial
Lote em Condomínio Fechado
 
 
Apartamento 1 Quarto
Loja
 
  Apartamento decorado do Crystal Tower
  Notícias
  Links Úteis
  Parceiros
 Newsletter
Cadastre seu e-mail e receba novidades exclusivas.
0012 Informe o
código ao lado:
» Notícias  
25/12/2016
Investimentos no Pará
Vale obtém licença para operar o maior projeto de sua história
 
Rio de Janeiro / Brasília- O projeto bilionário de minério de ferro da mineradora Vale S11D, em Canaã dos Carajás, Pará, recebeu a licença de operação do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) nesta sexta-feira, segundo documento publicado no site do órgão ambiental.


Maior projeto da história da Vale, o S11D tem previsão para entrar em operação ainda neste ano, acrescentando capacidade de produção anual de 90 milhões de toneladas de minério de ferro.


A primeira venda de minério do projeto é aguardada para janeiro, segundo a Vale.


A licença, segundo o documento, é válida por 10 anos a partir da data de sua assinatura e está condicionada ao cumprimento de condicionantes, como apresentação de relatórios, e de obrigações relativas a compensações ambientas.


“O grau de impacto do empreendimento é de 0,5 por cento. O valor da compensação ambiental relativo ao Projeto de Ferro Carajás S11D foi estipulado em 47.594.033,84 reais, valor a ser devidamente atualizado”, informou o documento do Ibama.


Em comunicado ao mercado, a Vale destacou nesta sexta-feira que o conjunto de mina e planta do S11D alcançou 96 por cento de avanço físico no fim do terceiro trimestre.


Em setembro, o Ibama emitiu a licença de operação de 10 anos para o ramal ferroviário do S11D.


Com 101 quilômetros de extensão, o ramal será responsável pelo escoamento do minério produzido na mina, em Canaã dos Carajás (PA), até a Estrada de Ferro Carajás (EFC), em Parauapebas (PA), de onde o produto seguirá para o Terminal Marítimo de Ponta da Madeira, em São Luís (MA).


“Os testes com carga estão progredindo com sucesso. Um trem com mais de 110 vagões foi carregado com aproximadamente 300.000 toneladas de ROM (sigla em inglês para run-of-mine, ou produção bruta), que foram acumuladas em estoque”, afirmou a empresa.


“A LO (licença de operação) para a mina e planta do S11D é um marco importante para consolidar a posição da Vale como o produtor com menor custo caixa C1 da indústria.”


Por Marta Nogueira e Stephen Eisenhammer

 
 
 
 
Fonte: EXAME.com
Outras Notícias
03
08
Mercado imobiliário e construção civil começam a sair da crise econômica
[+] saiba mais
03
08
Setor da construção civil começa a dar sinais de reação
[+] saiba mais
21
02
Crystal Tower - 3 suítes com Sacada Gourmet na melhor localização de Marabá
[+] saiba mais
03
08
Caixa amplia valores e diminui burocracia de financiamento de imóveis
[+] saiba mais
04
08
Pará terá maior parque aquático do Norte do Brasil
[+] saiba mais
04
08
Turismo rendeu receita de R$ 736 milhões ao Estado em 2015
[+] saiba mais
08
06
Caixa Anuncia Taxa De Juros ‘Personalizada’ Para O Mercado Imobiliário
[+] saiba mais
08
06
Governo da China garante apoio ao projeto da Ferrovia Paraense
[+] saiba mais
23
07
Começa a inflexão do setor imobiliário
[+] saiba mais
23
07
Crystal Tower - Início do Revestimento Externo
[+] saiba mais
 
Voltar
  • Olá, Como vai?

    17:50

  • Posso ajudar com alguma informação?

    17:50

  • Entre em contato via whatsapp

    17:50

 
Sobre Nós  |  Pesquisa Completa  |  Vender / Alugar meu Imóvel  |  Notícias  |  Links Úteis  |  Parceiros  |  Fale Conosco
(91)8364-2771(zap) (94) 99112-2764
 
  Metro Quadrado Imóveis  
Creci. J-310
Site para Imobiliarias
Site para Imobiliarias